sexta-feira, 25 de abril de 2014

Liberdade?!?!


Em 40 anos mudou muita coisa, mas muita coisa tem ainda para mudar!
Nos primeiros 30 anos avançamos e evoluímos, mas nos últimos 10 anos estagnamos e só vivemos para os impostos que aumentam a cada ano que se passa. Até que ponto somos livres? Só sabem falar na liberdade de expressão, mas de resto....somos livres em quê?? Sim, falamos, falamos, expressamos e blá blá blá!
E depois? São manifes atrás de manifes, aí está a nossa Liberdade de expressão. E somos obrigados e forçados a cumprir com as medidas tomas pelo Governo, Governo esse que tanto criticamos e acusamos, mas que somos nós que o metemos no poder.
Nunca mais teremos Capitães de Abril.....

10 comentários:

GATA disse...

O 25 de Abril de 1974 foi uma coisa única! Positivamente única! Mas, hoje, os ideais perderam-se no tempo... E os políticos vivem para servir-se e não para servir o país e muito menos o povo!

Katy Single disse...

Não sei onde vamos parar assim!!
Por isso, é que muitas vezes no meu blog, digo que quero ir para outro país.

Suricate disse...

Vou tomar a liberdade de te dizer o que já disse hoje lá no meu cantinho:

" 40 anos depois a única coisa coisa que me apetece dizer, depois de tudo o que já foi dito, é que nunca antes senti esta certeza de que não foi para vivermos como estamos a viver, que lutaram os homens de Abril.
Nunca antes como hoje percebi que há muitas formas de ditadura.
O que vivemos hoje em Portugal é uma forma de ditadura.
Esta ditadura roubou-nos o sonho, roubou-nos a esperança.
Onde estão os Homens com "coragem de Abril" de Hoje?
Precisamos de Abril Hoje
Precisamos de Coragem Agora"

...vergonha Katy, muita vergonha é o que sinto daquilo que fizemos a Abril!

Desculpa o testamento.
Jinhooooooosssssss

Katy Single disse...

Essa perspectiva, é a que toda a gente tem nesse momento infelizmente. Por isso, muitas vezes, sinto-me sem orientação nessa vida e ainda por cima, sozinha.


JS disse...

Somos livres de escolher em que esquina é que vamos pedir esmola. :\

Anónimo disse...

Os únicos e exclusivos beneficiários do 25 Abril foram as mulheres.....e mesmo assim ainda se queixam....sempre ouvi dizer que quem não xora não mama....ev vocês choram e choram, ora és os salários, ora é a carreira profissional, ora é a falta de oportunidades, ora é a casa, ora são os filhos...etc...estava aqui até amanha com os oras, até ficar a orar à N.S.Fatima...ora eu acho que chegou a HORA de se fazerem à vida.....

A propósito do J.estrela..ora eu até adorava e adoro...vivi em campo de ourique até aos 25 anitos e estudei no joao de deus e pedro nunes...bons tempos!!!!!!

Katy Single disse...

Sou tão exclusiva, que nem ordenado a sério tenho para ser mãe! Já vou fazer daqui a um mês 35 anos e nem penso em ter filhos e porque será??

Em ralação às carreiras, ainda à pouco tempo, um estudo (se calhar realizado por homens) dizia que as mulheres com o mesmo nível de carreira, recebem menos que os homens!! Somo muito mais exclusivas sem dúvida.

Anónimo disse...

O comentário do Anónimo só dá para rir - a começar pelos erros ortográficos! Triste... e um pouco bafiento - areje a mente, vai ver que lhe faz bem! :-)

Suricate disse...

Porque será que há coisas que só se dizem anónimamente?! Mal escritas e mal ditas, mesmo tendo o 25 de Abril trazido a escola a toda a gente (ninguém diria) ainda há quem vomite no prato onde come.

Katy Single disse...

Boa mummy Suri, é assim que se fala!